Quarteto Belmonte, de graça, amanhã, em São Luís

Edino Krieger, o pai do Edu, é o autor das Telas sonoras acima. Ele, criador das Bienais Brasileiras de Música Contemporânea, internado por força de complicações cardíacas, não poderá vir à São Luís, como previsto, para participar do Sesc Sonora Brasil, cujo tema, nesta edição é justamente Edino Krieger e as Bienais Brasileiras de Música Contemporânea, sobre o que o compositor palestraria dentro da programação. Este blogue torce por sua pronta e breve recuperação.

Não é à toa que o Quarteto Belmonte foi escolhido para ilustrar este post: eles tocam amanhã (24), às 19h, no Teatro João do Vale (Rua da Estrela, Praia Grande), com entrada gratuita (retirada de ingressos com uma hora de antecedência na bilheteria do teatro).

O Belmonte é formado por Márcio Sanchez (violino da Orquestra Municipal do Theatro Municipal do Rio de Janeiro), Ubiratã Rodrigues (violino da Orquestra Sinfônica Brasileira – Ópera & Repertório), Dhyan Toffolo (viola da Orquestra Petrobras Sinfônica) e Janaína Salles (violoncelo da Orquestra Sinfônica Nacional da Universidade Federal Fluminense). O concerto tem duração aproximada de uma hora.

Autor: zema ribeiro

homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais

Uma consideração sobre “Quarteto Belmonte, de graça, amanhã, em São Luís”

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s