LUÍS CARLOS PINHEIRO, DE GRAJAÚ/MA

 

Uma ótima sensação sempre me percorre quando tenho acesso a uma obra de arte inédita, discos, mais especificamente. Assim ocorreu com os trabalhos de Wilson Zara, Flávia Bittencourt, Nando Cruz, Cesar Teixeira e Nego Ka’apor (este último ainda inédito).

Dias atrás viajei até Estreito/MA, pelo projeto Imprensa Turística Itinerante, idealizado e realizado pelo amigo Gutemberg Bogéa. No meio da galera, o compositor Uimar Cavalcante. De volta à Ilha, liguei para Nando Cruz e, na conversa, soube que ele estava produzindo um disco de Jessé, cantor e compositor de Grajaú/MA.

Calma, caros leitores! Não pensem que uma coisa nada tem a ver com outra. Explico: Uimar Cavalcante é parceiro de Luís Carlos Pinheiro, compositor da mesma cidade de Jessé, seu principal intérprete. Com isso foi só juntar as informações e escrever sobre – já devia ter feito isso há tempos, mas a minha crônica irresponsabilidade não permitiu – um disco inédito – mais um, mas não “apenas” mais um – ao qual tive acesso: Luís Carlos Pinheiro.

Encherei o saco de quem me lê com mais uma observação: é de Grajaú também outro parceiro de LCP, o compositor Bebé, autor de “Fátima” (belamente interpretada por Daffé em seu “Somente Solo”) e parceiro – com Gilvandro Martins – de Zara em “Zaratustra”, belíssimas músicas que tenho ouvido bastante nos últimos tempos.

Vamos ao disco: quinze gravações “caseiras” de Luis Carlos Pinheiro, acompanhado de seu violão. Estão lá “Aboio”, “Terra” e “Bandas do Destino”, parceria com Uimar Cavalcante, entre outras. A voz grave – um bonito trovão – de LCP transita entre a alegria de Ednardo e a tristeza de Elomar. E explico: quando digo “tristeza de Elomar”, trata-se de um elogio a LCP, já que o compositor baiano é um de meus prediletos no cenário da música produzida no Brasil em todos os tempos.

Não conheço Grajaú/MA. Mas conheço, como já disse, algumas músicas produzidas lá, através de FEMUG’s (Festivais de Música de Grajaú), da passagem de Zara por lá – cumprindo punição na CEF, quando à época era funcionário da instituição financeira – e histórias contadas pelo amigo Celso Cardoso – também violonista, membro da Confraria do Bigode, que se reúne religiosamente aos sábados no bar homônimo, no Renascença – que a propósito, foi quem me apresentou o disco sobre o qual escrevo agora. Com a audição de LCP, espero visitar a cidade em breve. E espero que em breve os caros leitores deste blogue possam ouvir este bom trabalho.

Autor: zema ribeiro

homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais

6 comentários em “LUÍS CARLOS PINHEIRO, DE GRAJAÚ/MA”

  1. Só hoje acessei esse post, 10 anos após ele ter saído. Hehehe. Achei-o através do obituário de Bebé.
    Também são tantos posts que levaria tempo pra ler todos. Já daria uma enciclopédia da cultura maranhense.
    Mas aqui me valho apenas para elogiar você Zema Ribeiro.
    Ouvi trabalhos tanto de Bebé quanto de Luiz Carlos Pinheiro quando de minha morada em Barra do Corda. Mas não cheguei a conhecê-los pessoalmente. Pena!
    Ler esses posts agora me veio um certo ar saudosista daquele tempo.
    Parabéns Zema! E se por acaso ainda não conheceu Grajau, fica o convite.
    Seria uma boa farra reviver as músicas à beira do rio.

    1. quanto a grajaú, não conheço (ainda), apesar dos convites (já devidamente aceitos) de luis carlos pinheiro. vamos marcar e matar estes coelhos todos de uma cachaçada só. abraços!

  2. bom dia, nobre Zema. Lendo aqui seu post, agradeço pelo posto. Dizer que gravei um Cd e queria viabilizar que chegasse às suas mãos. Muito provável encontrar Zara e Nosly em Imperatriz no Salimp. Tentar mandar por eles. Abraço aqui do sertanejo
    Luis Carlos Pinheiro

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s